ENUNCIADO OA12 UT.06 2013-2014; “Figuração humana”: Corpo, Espaço, Encenação e Espontaneidade na Imagem Fotográfica

De entre os muitos ângulos possíveis de abordagem sobre aquilo que é a Fotografia, podemos considerar que existem duas atitudes distintas quanto ao modo de construção da imagem fotográfica. O fotógrafo pode apropriar-se de uma realidade pré-existente, num exercício de espontaneidade mais ou menos controlado ou então pode construir e manipular os componentes presentes na imagem, encenando-a previamente. Entre a preponderância de uma atitude e da outra, oscilando entre a espontaneidade de um Henry Cartier Bresson e a encenação cuidada de uma Francesca Woodman, encontramos um mundo de visões distintas das quais nos iremos apropriar para a realização deste trabalho…

Informação complementar:

https://sala17.wordpress.com/2010/06/11/henry-cartier-bresson-1908-2004-o-seculo-moderno/

https://sala17.wordpress.com/2011/01/25/august-sander-1876-1964-pessoas-do-seculo-xx/

https://sala17.wordpress.com/2010/01/17/francesca-woodman-1958-1981/

https://sala17.wordpress.com/2010/01/11/helena-almeida-1934/

http://fotografia.pt/noticias/documentarios/daido-moriyama-e-a-sua-camara-compacta/

© António Marques/ Sala17, 2013/2014